fbpx

Select Page

CADE quer adotar uso de IA para identificar formação de cartel em licitações

CADE quer adotar uso de IA para identificar formação de cartel em licitações

Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade) estuda formas de expandir o uso de tecnologias que utilizam inteligência artificial para o monitoramento de detecção de formações de cartel dentro do mercado.

O desejo da autarquia parte dos bons resultados alcançados dentro do projeto-piloto feito em parceria com a Agência Nacional do Petróleo, Gás e Biocombustíveis (ANP) para analisar possíveis ajustes combinados de preços em postos de combustíveis.

Segundo Alexandre Barreto, presidente do Cade, a tecnologia utilizada no teste — chamada internamente de “Sistema Cérebro” — identifica as rotinas de preços praticadas nos postos existentes dentro de uma determinada área para, com isso, apontar casos nos quais os donos dos postos estejam combinando preços de forma a dar a impressão de que existe uma concorrência no mercado.

O uso da IA já deu resultados: alguns dos dados coletados pelo sistema foram utilizados para embasar a Operação Ponto de Encontro, que tinha como objetivo verificar se havia um cartel em licitações realizadas para a contratação de serviços terceirizados dentro de órgãos federais.

A ferramenta também vem ajudando a reunir dados para outras investigações realizadas pelo Cade e o Ministério Público, que ainda estão em sigilo.

da redação com informações da ComputerWorld

Sobre o Autor

Redação

O Bizmeet é um das principais referências do Centro-Oeste nas áreas de Tecnologia e Inovação. É ganhador de prêmios regionais e até mundialmente reconhecido. Empresas e instituições de grande renome já investiram em iniciativas do portal

Sugestão de Pauta

Parcerias

Newsletter

Inscreva-se para receber notícias e atualizações.

Sua inscrição foi realizada com sucesso

Share This