Select Page

Conheça a nova edição dos Indicadores Nacionais de Ciência, Tecnologia e Inovação

Conheça a nova edição dos Indicadores Nacionais de Ciência, Tecnologia e Inovação

Relatório com indicadores traz informações sobre os investimentos em Ciência, Tecnologia e Inovação no Brasil

O levantamento reúne dados coletados junto ao governo federal, governos estaduais e iniciativa privada, que permitem uma visão global do sistema brasileiro de ciência, tecnologia e inovação. Os indicadores abrangem temas como volume de recursos aplicados no setor; dados sobre a capacitação e ocupação de recursos humanos; quantidade de bolsas de formação concedidas; e dados sobre produção científica e patentes depositadas.

As informações fazem parte da edição 2018 dos Indicadores Nacionais de Ciência, Tecnologia e Inovação, lançada na última semana (26) pelo Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações (MCTIC).

Investimentos em CT&I

Os indicadores divulgados pelo MCTIC são relativos ao ano de 2016. Essa defasagem de dois anos é comum em todos os outros países, em razão da complexidade de levantamento dos dados. Na comparação internacional, a publicação aponta que os investimentos do Brasil em pesquisa e desenvolvimento, levando em consideração o percentual do PIB empregado, são semelhantes aos de países como Rússia, Itália e Portugal.

A produção dos Indicadores Nacionais de Ciência, Tecnologia e Inovação é um trabalho realizado anualmente pelo MCTIC.  O objetivo é fornecer informações especializadas à comunidade científica, formuladores de políticas, legisladores, estudantes e sociedade. ”Esses indicadores são fundamentais para a tomada de decisão em políticas públicas. São uma fonte de informação precisa e confiável para subsidiar os gestores”, reforçou Fernando Coelho.

A publicação também traz capítulos sobre recursos humanos nos setores público e empresarial; bolsas de formação; produção científica e patentes. O levantamento mostra, por exemplo, que o Brasil é responsável por produzir 2,51% dados artigos científicos indexados pela plataforma Scopus em nível mundial.

Além disso, há cerca de 200 mil pesquisadores cadastrados no Diretório dos Grupos de Pesquisa do Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq) e mais de 591 mil profissionais envolvidos em atividades de pesquisa e desenvolvimento em todo o país.

Ver os indicadores na íntegra.

Quer ser destaque no mercado inovador e tecnológico? Então conheça o BizMeet!

 

Da Redação com Informações do MCTIC

Sobre o Autor

Redação

O Bizmeet é um das principais referências do Centro-Oeste nas áreas de Tecnologia e Inovação. É ganhador de prêmios regionais e até mundialmente reconhecido. Empresas e instituições de grande renome já investiram em iniciativas do portal

Share This

Newsletter

Inscreva-se para receber notícias e atualizações.

Sua inscrição foi realizada com sucesso